SÁUDE X AUTOESTIMA: A cirurgia plástica para as mulheres de hoje

            Sentir-se bem com o seu próprio corpo, olhar no espelho e gostar do que vê. Na correria do dia a dia, muitas mulheres precisam se desdobrar para conciliar trabalho, filhos, casa, todas as suas tarefas e ainda fazer as pazes com a aparência e principalmente, com a sua saúde.

            Mas como conciliar todas essas tarefas com a necessidade de se cuidar? Principalmente depois do parto, quando os seios tendem a ficar caídos, sobram peles no abdômen e a barriga custa a voltar para o lugar.

            As cirurgias mais procuradas pelas mulheres são a mamoplastia com prótese de silicone, lipoaspiração, mastopexia e abdominoplastia. São procedimentos eficazes e seguros com resultados satisfatórios.

            Prótese de silicone: qual tamanho ideal?

A prótese de silicone irá depender da estatura, largura de ombros, quadril e do efeito desejado pela paciente: sutil, mais natural ou avantajado. Todas essas informações deverão ser conversadas com o médico.

Existem também três tipos de próteses: arredondadas, anatômicas e cônicas. As arredondadas são mais utilizadas e indicadas para mulheres que desejam chamar mais atenção ao colocarem o biquíni e já tem seios de tamanho considerável. São simétricas e permitem o maior contorno da mama.

As próteses anatômicas tem formato de gota e são indicadas para pacientes que desejam um resultado natural, pois o maior volume do silicone fica na parte inferior dos seios. São mais utilizadas em cirurgias de reconstrução mamária.

As cônicas são indicadas para quem tem seios pequenos, troncos mais estreitos e seios mais caídos, pois ela permite deixá-los mais levantados.

Lipo e Addominoplastia: qual a diferença?

A Lipoaspiração é o segundo procedimento mais procurado. Consiste na remoção de gordura em partes do corpo como coxas, barriga e braços por meio de cânulas. Já a abdominoplastia devolve a firmeza ao local, retira parte da pele flácida, algo comum após o processo de emagrecimento ou meses depois do parto, quando a mulher perde parte da barriga que ganhou durante a gestação.

Também há a opção da abdominoplastia e a lipoaspiração onde o tecido adiposo é retirado e o excesso de pele é removido através da abdominoplastia.

Em ambas as opções, para haver um bom resultado e evitar a má cicatrização  é necessário seguir as orientações médicas durante o pós e o pré-operatório.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *